DPZINE Logo
HOME CÍRCULO PARTICIPE CONTATO LINK BLOG FÓRUM SOBRE

Capítulo único de Deny Soul (Negar a Alma) por Gilmar Castilho

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

Dpzine WEB Mangá Dpzine WEB Mangá

3 comentários:

Anônimo disse... 『Responder esse comentário』 28 de maio de 2014 09:09

D+++ *u* 2o capítulo !!!!

Sheila Garché disse... 『Responder esse comentário』 28 de maio de 2014 13:48

Gostei muito da arte dos personagens ^.^

Anônimo disse... 『Responder esse comentário』 28 de maio de 2014 17:57

A princípio parece um roteiro simplista, mas no final fica tudo muito bagunçado e muito difícil de entender. Não porque é complicado por excelência mas porque você não nos conta essa história de maneira compreensível.
Mesmo com o plot twist do final, ficou tudo muito raso e manjado. Essa história de querer ser o mais forte para proteger os amigos é algo reciclado tantas vezes que ao ler perde-se toda a curiosidade de saber o que se sucede. A mensagem por trás desse motivo, como vemos em tantos outros lugares é até bonitinha mas não dá mais pra aguentar, você poderia ter se esforçado um pouco mais pra dar uma desculpa, um motivo mais inteligente, mais criativo e mais distanciado daquilo que todo mundo já tá cansado de ler.
Também há um buraco grande quando você não mostra o que aconteceu com Ryan.
Quanto aos designs, no confronto que encerra a história eu me senti como se tivesse vendo uma releitura de Ichigo x Ulquiorra.
Outra coisa que me incomodou bastante foi o uso de onomatopeias japonesas. Vale lembrar que você está escrevendo algo para falantes da língua portuguesa lerem. Quem não estuda japonês não vai saber o que querem dizer essas onomatopeias. Além de que o fato de muitos dos sons que elas indicam não tem coerência com a ação da cena.
Outro problema com as onomatopeias é o fato de que as cenas onde a ação é mais impactante ou nas cenas maiores de ação, que exigiriam uma onomatopeia, ela não se faz presente.
Então aconselho a usar onomatopeia coerentemente e de preferência as que os leitores consigam ler e entender, e não somente para atingir um suposto efeito estético.
Alguns dos cenários estão convincentes e te parabenizo por isso.
Boa sorte!

Postar um comentário